Cidadania corporativa

Responsabilidade social

Queremos contribuir para a promoção do bem comum como empresa. Nós obtemos um grande efeito por meio do suporte a organizações nas cidades onde estamos instalados.

Cidadania corporativa

Conduzimos nossas atividades através da Voith GmbH & Co. KGaA, da fundação Hanns-Voith-Stiftung e da Fundação Voith (Brasil). A Voith definiu as áreas de educação, esportes, cultura e social como prioridade do engajamento social.

Educação
Uma boa educação e formação são a base para oportunidades de desenvolvimento ótimas na vida. Por isso perpetuamos a tradição do Dr. Hanns Voith e apoiamos creches, escolas e universidades em todo o mundo. Damos apoio principalmente a projetos voltados a despertar o interesse de crianças e jovens por ciências e tecnologia.

Esportes
A Voith incentiva esportes de alto nível e de base, e promove clubes e eventos esportivos em todo mundo. Em sua sede, a Voith apóia, entre outros, o clube de futebol profissional 1. FC Heidenheim. No Brasil, a Fundação Voith incentiva, por exemplo, um centro de formação esportiva e um programa para jovens com necessidades especiais.

Social
Como nosso engajamento queremos contribuir para melhorar as condições de vida de pessoas no mundo todo e incentivar o intercâmbio cultural. Por isso apoiamos diversas iniciativas de desenvolvimento e prestamos socorro financeiro em casos de calamidades.

Cultura
Para nós é muito importante possibilitar o acesso de crianças e jovens à vida cultural e artística. Para tanto, apoiamos diversas instituições culturais nos locais onde estamos instalados.

Leia mais sobre a „Responsabilidade social“ na Voith no Relatório de Sustentabilidade 2015.

Promover a formação abre as portas do futuro

A Fundação Voith assiste menores carentes de São Paulo por meio de inúmeros projetos educacionais e culturais. Seu tradicional compromisso social é especialmente marcante no Brasil: a Voith atua em São Paulo há mais de 40 anos.

Alunas e alunos da Escola Friedrich von Voith estão muito orgulhosos: integrando a Orquestra Bachiana Jovem, mantida pela Fundação, deram o primeiro concerto de sua vida na festa de Natal em Jaraguá, zona oeste de São Paulo. A Orquestra é apenas um dos oito projetos patrocinados pela Fundação em 2011. Todos buscam um mesmo objetivo: proporcionar formação escolar, cultural e ambiental aos jovens na sua comunidade.

Desde sua criação, em 2004, até 2010, a Fundação financiou projetos com um aporte total de dois milhões de dólares. Um engajamento que revelou profícuo: “Mais de nove mil pessoas carentes de Jaraguá se beneficiaram com os 550 mil dólares que aplicamos em projetos sociais em 2011”, informa Gilson de Campos, presidente da Fundação Voith Brasil.

O Programa Formare, que funciona desde 2004 e demanda 15% do orçamento anual, é a mola mestra do trabalho da Fundação. Por meio de cursos de dez meses de duração, a cada ano vinte jovens são preparados para ingressar na vida profissional. “O Formare deu uma virada na minha vida. Descobri que a aprendizagem está intimamente associada a ter uma boa conduta e que uma postura de vida correta é mais importante do que outras coisas. Isso fez de mim uma pessoa madura”. É o testemunho de Ananda Oliveira, uma das jovens que participaram do Formare em 2011. Após a conclusão do Programa, a maioria deles consegue emprego imediatamente, muitos inclusive na própria Voith.

O Programa conta também com o trabalho voluntário de funcionários da Voith, que colaboram nos cursos, transmitindo seus conhecimentos técnicos e administrativos. Atualmente 80 funcionários atuam como professores voluntários. Claudio Giorge, engenheiro de produção da Voith Hydro, é um deles: “Este trabalho me ajudou a desenvolver meu espírito de equipe e a enxergar as pessoas com mais sensibilidade. Nós também aprendemos muito com os jovens, e não apenas eles conosco”.

Juntos por melhores oportunidades

Assim como a Voith, como empresa, está comprometida com a sociedade, muitos voithianos também ajudam pessoas carentes em seu tempo livre.

Por exemplo, há cinco anos que o voithiano Herwig Jantschik e sua esposa ajudam uma aldeia de crianças da organização "Children's Future Organization" (CFO), no Nepal, que se dedica a proporcionar melhores oportunidades de vida e de educação para crianças. Jantschik, que é assistente social na área de saúde ocupacional da fábrica em Heidenheim, uma vez contou sobre suas atividades aos seus colegas – o que despertou uma onda de solidariedade. Desde instalações de carpintaria que não são mais utilizadas no galpão de treinamento da Voith em Heidenheim até doações em dinheiro por colegas que participaram de ações de arrecadação de recursos no refeitório – realizado por um grupo de estagiários da Voith que desejava colaborar efetivamente para o projeto.

No final de abril de 2015, o Nepal foi abalado por um forte terremoto, além de diversos tremores. As casas da aldeia infantil suportaram o terremoto sem sofrerem danos. Sob o mote "Voithianos pelo Nepal", uma equipe de projetos da Voith organizou a ajuda espontânea para a região de Dhading, onde está localizada a aldeia de crianças. Depois de diversas iniciativas de arrecadação de fundos, iniciaram-se as ações para doações de materiais como, por exemplo, cobertores. Diversas unidades da Voith no mundo inteiro aderiram à iniciativa.

Contato

Joerg Kondring

Voith GmbH & Co. KGaA